terça-feira, 25 de janeiro de 2011

APOSENTANDO AS GARRUNCHAS

     A vida possui rédeas que não podem ser controladas pelos pulsos da humanidade, mas as pessoas insistem em querer dominá-las e com isso acabam descambando para as águas profundas e turvas da insatisfação.
     As solicitudes da vida têm sido motivo de muita preocupação e isso faz com que o tempo não seja aproveitado em toda sua plenitude, pelo contrário, a força da ansiosidade toma proporções assustadoras e rouba a tão almejada paz. Isso pode ser comprovado no Evangelho de Mateus, capítulo 6, versículo 27: “E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura?”
     Apesar de toda a modernidade evidente no século XXI, o perfil deste mundo pode ser comparado aos cenários do velho oeste, onde forasteiros armados até os dentes atiram a esmo. Munições voam para todos os lados e acertam alvos inapropriados. Enquanto esses feixes cruzam os céus, Deus apenas balança a cabeça, numa atitude de reprovação, perguntando pra si mesmo (como se já não soubesse a resposta): “Porque atiram tanto?” Será que Ele não se preocupa com tantas rajadas no ar, com tanta gente tombando sobre a terra fria? É claro, que sim, mas as armas precisam estar no coldre, descarregadas e enquanto isso não acontece, Ele apenas espera o momento certo de mostrar a toda essa gente afobada que no desespero não se pode alvejar a presa certa. Jesus é o verdadeiro atirador de elite, sua pontaria é precisa e Ele quer acertar em cheio teus sonhos tão almejados.
     Qual tem sido seu alvo? Carro, casa, emprego, casamento, vida profissional? Saiba que todas essas coisas são importantes, mas perecíveis. Assim mencionam os versículos 31, 32 e 33 do mesmo capítulo de Mateus: “Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou: com que nos vestiremos? Porque os gentios são que procuram todas estas coisas; pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas elas; buscai, pois em primeiro lugar o seu reino e a sua justiça e todas estais coisas vos serão acrescentadas“.
     Os que Esperam no Senhor possuem a arma certa: a fé. Aposente as garrunchas, deixe-as guardadas até o momento certo em que Deus pegará o seu dedo e fará apertar o gatilho, então seus mais recônditos desejos serão atingidos e cairão à sua frente como presas gordas. Assim, como um bravo caçador você as colocará sobre os ombros e as levará para se fartar em casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário